RSS

Pages

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Sendo Usada por Deus

"Então Mordecai resppondeu a Ester, não imagines que, por estares na casa do Rei, só tu escaparás entre todos os Judeus. Porque se de todos te calares agora, de outra parte se levantará para os judeus socorro e livramento, mas tu e a casa do teu pai perecereis e quem sabe se não foi para conjuntura como esta é que foste elevada a rainha?" Ester 4: 13 e 14 Há algum tempo tenho meditado no livro de Ester, que é muito mais do que uma história de uma rainha, e sim, a realização de um plano de redenção dos judeus, que não foi frustrado. Em tudo que Deus faz há um propósito estabelecido e não foi diferente na vida desta pequena órfã judia, mas estrangeira na terra de Susã, a qual Deus elevou a mais alta posição, para a Sua glória. Se observarmos as exigências para chegar a tal lugar, segundo os costumes da época, Ester jamais poderia tornar-se rainha pois não era descendente de sete gerações reais; mas é exatamente assim que Deus faz. Por insubmissão a ordem do Rei Assuero, a Rainha Vasti foi expulsa do reino de Susã; sendo assim, o rei convoca um "concurso de beleza" e por incentivo do seu tio Mordecai, Ester inscreveu-se e o rei a amou mais do que a todas as outras candidatas. O antagonista desta história é Hamã, um alto oficial do rei Assuero, o qual amava ser adorado mas foi rejeitado por Mordecai, que só adorava ao Deus Vivo! Para se vingar de Mordecai, Hamã convenceu o Rei de assinar um decreto para a exterminação de todos os judeus, mas o que Hamã não sabia era que Mordecai o havia flagrado tramando contra o rei afim de usurpar seu trono; tampouco sabia que a rainha Ester também era judia. Ciente do tal decreto que o rei havia assinado, Mordecai implora que Ester interceda junto ao Rei que volte atrás na sua decisão, mas a Rainha responde que não pode entrar na presença real, até que seja convidada; do contrário, poderia vir a morrer. Quando confrontada por seu tio, conforme os versículos acima, Ester repensa sua atitude e se dispõe a arriscar a própria vida em favor do seu povo. Graças a Deus que está no controle de todas as coisas, tudo termina bem: o mal é derrotado e o povo Judeu celebra a vitória isntituindo a Festa do Purim, porque não foram exterminados de sobre a face da terra e assim, a genealogia de Jesus Cristo, não foi comprometida.O plano do Senhor se cumpriu! Aleluia! A pergunta: " Quem sabe se não foi para esta conjuntura como esta é que foste elevada a rainha?", marcou minha vida. E sei que talvez você possa se identificar com este confronto. Será que em meio a tudo que você tem vivido, as bençãos que tem recebido, os lugares aonde o Senhor tem te colocado, existe a convicção no seu coração que tudo é para a glória de Deus e que há um plano muito maior do que a realização profissional, ministerial ou emocional? Podemos nos perder em nossas motivações e levar a vida cotidiana vivendo apenas pra nós mesmos, sem se importar porque e para que somos o que somos, temos o que temos. Pela reação de Ester em esquivar-se de prestar socorro, podemos concluir que por um momento, ela não considerou tudo o que Deus havia feito, só pra que nesse exato momento, a rainha pudesse cumprir a missão de sua vida. Seja o que for preciso fazer, ainda que nos custe a vida ou qualquer outro preço tão alto quanto, por Deus vale a pena; para ser usado por Deus vale a pena. Não percamos a oportunidade de viver a satisfação que sente alguém quando faz a vontade do Pai, porque creio ter sido tamanha a felicidade que Ester sentiu ao ver a salvação do povo judeu, e ela nem poderia imaginar que daquele povo, haveria de nascer o Salvador do mundo, Jesus Cristo. Ana Paula Nobrega Texto extraído do site do CTMDT.

8 comentários:

Pra.Thaís Itaborahy disse...

Deus tem um propósito conosco, não só em nos abençoar, mas de sermos instrumentos para sua gloria e atarir outros até Ele.

Bjim amiga e fica com Jesus.

Pra Thaís Itaborahy

www.palavradevidaaocoracao.blogspot.com

Butterfly Blog disse...

Pra.Thaís Itaborahy
Amém!!
Bjs e que Deus ta abençoe

Daiane disse...

Florzinha estou aqui para lhe agradecer pelo carinho que teves comigo,ao me visitar e deixar seu comentário,como retribuição estou aqui para te visitar seguir e sempre ler e comentar seus posts.Que hoje seja apenas o inicio de uma grande amizade cujas raízes estão no Senhor!Tenha um ótimo dia e fique na paz do Senhor!

Suely - HD disse...

Olá amiga!!!

graça e Paz!!!!

Estou em férias, minha net (onde estou é mto lenta) mas consegui deixar este rápido comentário.

Gosto mto dessa passagem bíblica, extraímos várias lições bíblicas, intimidade, perseverança e confiança plena em Deus.
Quero isso p/ mim tb.

beijos
Suely

Roberta disse...

Oi Rosangela! td bem?Devemos nos inspirar nas mulheres da bíblia.
Que vc continue sendo instrumento de Jesus para abençoar as nossas vidas com essas postagens abençoadas.
Bjos

Butterfly Blog disse...

Daiane
Olá querida!! Es bem vinda em meu blog!!
ès bem vinda em meu circulo de amizades!!
Bjss

Butterfly Blog disse...

Suely - HD
Obrigada pelo carinho em passar por aqui, mesmo com a net lenta!!
Sim essa passagem é realmente linda e inspiradora!
Bjss
Boas férias

Butterfly Blog disse...

Roberta,
Amém !! Bjs

Postar um comentário